English version →

Avenida Olegário Maciel, 414 / 303
Barra da Tijuca - Rio de Janeiro - RJ
Tel: (21) 2493-8206 / (21) 8555-3344

Seja bem vindo, Visitante  
Página InicialProcedimentos CirúrgicosMama
A Clinica
Os Cirurgiões
Cirurgia Plástica
- Passo a passo
Procedimentos Cirúrgicos
- Face
- Pálpebra
- Nariz
- Orelha
- Mama
- Contorno Corporal
- Procedimentos Reparadores
- Abdome
Artigos
Cara a Cara com o Paciente
- Casos Clínicos
- Perguntas e Respostas
Estou com Problemas
Com a palavra o paciente
Diário Médico
BG News
Links
Charges
Fale Conosco

Cadastre-se para Receber
Nome:
Email:
 
PROCEDIMENTOS CIRÚRGICOS


MAMILO INVERTIDO


-POSSO AJUDAR?


O QUE VOCÊ PRECISA SABER SOBRE: MAMILO INVERTIDO



Mamilo Invertido: O Bico do Peito para dentro da Mama


O mamilo invertido é aquele que se apresenta retraído para dentro, podendo ser uni ou bilateral. Costuma favorecer a penetração de germes na mama, causando infecções recorrentes. O mamilo invertido e, neste caso o termo certo seria "retraído" pode aparecer como sinal de alguma doença mamária tumoral, devendo ser cuidadosamente pesquisado.

Ocorre com mais freqüência nas Mulheres que nos Homens; entretanto, ambos que estejam insatisfeitos com a inversão dos seus mamilos podem ser candidatos ao procedimento cirúrgico de eversão dos mamilos. Em geral a queixa é estética, pelo fato do bico do peito ficar para dentro. Algumas mulheres sentem-se incomodadas e envergonhadas com a inversão do mamilo; dizem que se sentem diferentes das demais, sendo comum o constrangimento íntimo com os seus parceiros. Há mulheres cuja queixa parte do temor de não poderem amamentar com o mamilo invertido, uma vez que este pode dificultar o bebê de sugar ou mamar o precioso leite materno.

Em algumas ocasiões o mamilo poderá everter-se temporariamente, quando se ordenhe a mama ou provoque estímulo tátil, contudo, este voltará à sua posição invertida quando a mama estiver livre.

Os homens normalmente não se importam muito com esta situação; entretanto, nos casos de correção de ginecomastia em que existe mamilo invertido associadamente, alguns se queixam da depressão do mamilo, o que pode ser corrigido conjuntamente. Existem também os casos de mamilo invertido no homem após uma cirurgia de ginecomastia, caso este causado, provavelmente, em virtude de retirada excessiva de tecido na região areolar ou retração cicatricial.

É possível everter o mamilo através de cirurgia. Existem técnicas diferentes para o mesmo fim; mas deve-se observar qual seria aquela que trará o benefício desejado com o menor prejuízo aos ductos mamários.
O procedimento cirúrgico pode ser realizado isoladamente ou pode ser associado à colocação de prótese manaria através da mesma incisão, ou mesmo com outros procedimentos de cirurgia plástica em outras regiões do corpo.

A cirurgia de correção do mamilo invertido é um procedimento cirúrgico e deve ser realizado em centro cirúrgico. Seu caráter é ambulatorial, não necessitando permanecer internado por ser uma cirurgia considerada de pequeno porte. Tem a finalidade de everter o mamilo.

O mamilo é uma estrutura que pode ser reconstruída cirurgicamente com finalidade puramente estética, porém, não funcional, nos casos de perda total por mastectomia (retirada da mama por tumor) ou acidente. Há diversas técnicas; mas esta é outra sessão.

Por que principalmente ELAS querem everter os mamilos?



Poderíamos dizer que o ser humano gosta de se enquadrar dentro daquilo que ele acha ou se espelha ou compara com seu semelhante aquilo que acha que é normal. A impressão da falta de projeção externa do mamilo perturba muitas mulheres, que se sentem inferiorizadas ou "incompletas". Outro fator preponderante é o fato da dificuldade de amamentação no futuro. Os homens geralmente não se incomodam com o fato e nem gostam mesmo de muita projeção nos seus mamilos.

Técnicas/Cicatriz: o procedimento cirúrgico utiliza uma incisão no mamilo e aréola, para que o cirurgião possa retirar as aderências teciduais que mantêm o mamilo invertido e assim, liberá-lo para uma posição projetada normal. Os ductos galactóforos devem ser preservados na maior parte possível, de acordo com a complexidade de cada caso.


 
Bate-Pronto

   
Tipo de anestesia: local, com ou sem sedação; geral se estiver associado com outra cirurgia de maior porte.
Internação hospitalar: a cirurgia é ambulatorial quando isolada e o paciente poderá ter alta logo a seguir. A necessidade de ficar internado por 24 horas somente para casos de associação com outras cirurgias.
Duração da cirurgia: 20 a 40 minutos, dependendo se o caso for uni ou bilateral.
Recuperação: uma semana para retirada de pontos.
Sensibilidade: pode sofrer alguma alteração no primeiro mês, mas voltará ao normal gradualmente: a sensibilidade dolorosa no pós-operatório é compatível com a maior ou menor sensibilidade à dor da paciente e uso adequado de medicamentos. Costumamos prescrever analgésico e antiinflamatório, além de orientações médicas necessárias para o caso.
Amamentação: mantida a capacidade de lactação (é importante dizer que a própria alteração anatômica do mamilo invertido muitas vezes causa dificuldade para o fluxo do leite através do mamilo, com ou sem cirurgia).
Limitação: exposição solar, dirigir automóvel e exercícios físicos no primeiro mês.

ATENÇÃO: É perfeitamente viável a correção do mamilo invertido associado à colocação de prótese de silicone mamário; pois, é a incisão transareolar utilizada na correção do mamilo invertido é também um dos acessos para o implante de prótese.





Consulta Médica

A consulta médica é o primeiro passo para a realização da sua cirurgia. A indicação e realização destes procedimentos são prerrogativas do cirurgião plástico de formação.

Durante a entrevista médica serão expostos os seus desejos, insatisfações, medos, anseios e expectativas, que serão respondidas e avaliadas pelo médico. Este, por sua vez, fará o diagnóstico do seu caso, explicará sobre a indicação cirúrgica e fornecerá as informações necessárias para o procedimento. É o momento de tirar e questionar todas as dúvidas, portanto aproveite.



Orientações Médicas


No Pré-Operatório: é obrigatória a realização dos exames laboratoriais, mamografia ou ultrassonografia da mama (mulheres), eletrocardiograma, risco cirúrgico ou outros pareceres médicos quando indicados.

O jejum é de 12 horas antes da hora marcada da cirurgia. Costumamos-se orientar a paciente para que esta faça a sua última refeição até as 20h00min do dia que antecede a cirurgia; uma alimentação suave, nada de churrascaria; depois das 20h00min apenas água e a partir das 22h00min mais nada.

Suspender previamente o uso de medicamento que contenha AAS (ácido acetil-salicílico), arnica, ginkobiloba e anticoagulante duas semanas antes, até duas semanas depois da operação. Se você faz uso de alguma medicação anti-adesiva plaquetária, converse com o médico que a prescreveu e peça orientações.


Informe sobre medicação que faça uso constante; em geral alguns deles não são suspensos; neste caso leve-os para o hospital e informe ao anestesista; pois ele saberá como proceder. Informe sobre uso de lentes de contato ou algum tipo de prótese dentária.

A cirurgia só acontecerá mediante tais procedimentos e o paciente deve estar em boas condições de saúde, com laudo de risco cirúrgico assinado por um médico.

Cigarro e Bebida Alcoólica: devem ser evitados; pois, comprometem o procedimento anésté- sico, a cicatrização, a recuperação.

 



Dia da Cirurgia


Dirija-se para o local da realização da cirurgia de preferência acompanhada por pessoas que estão inteiradas com a sua cirurgia e que a apóiem. Deverá estar em jejum, sem adereços (brincos, anéis, pulseiras, piercings etc); manter as unhas sem esmalte. Levar roupa de fácil vestir e confortáveis; nada justo ou que tenha que passar pela cabeça. Identifique-se na recepção do Hospital, informe o nome dos seus cirurgiões e preencha a ficha do seu prontuário. A seguir você será encaminhado ao apartamento reservado. A equipe de enfermagem dará seguimento ao protocolo de cirurgia: sinais vitais, troca da roupa etc. Aguarde a visita da equipe médica no quarto e mantenha-se calmo. Faz parte da rotina uma entrevista com o médico do hospital e do anestesista. Depois de tomar o pré-anestésico prescrito pelo anestesista você será encaminhado ao centro cirúrgico para a realização da cirurgia. Isto tudo se o procedimento acontecer em um hospital com internação ou no sistema ambulatorial, ou seja. Quando a paciente se interna para operar e fica somente algumas horas em repouso no hospital e depois é liberada a alta. Nos casos ambulatoriais o protocolo é mais simples, mais sempre cuidadoso.

Após o procedimento cirúrgico a paciente retornará ao seu quarto com curativo, iniciando a fase de pós-operatório imediato, que será acompanhada pela equipe médica e de enfermagem.

Quando a cirurgia do mamilo estiver associada à outra intervenção de maior porte e necessitar de pernoite no hospital, então, no dia seguinte os seus cirurgiões retornarão para a realização do curativo , dar a alta médica com orientações e prescrição.

No Pós-Operatório: alimentação livre, dormir de barriga para cima e com os braços relaxados ao longo do corpo; pentear os cabelos e escovar os dentes com cuidado; usar roupas de fácil vestir, nada de roupa muito justa no corpo.

Todo procedimento cirúrgico tem um trauma tecidual, onde uma de suas respostas é a inflamação ou inchaço para os leigos; portanto, podem aparecer manchas de equimose avermelhadas e sensibilidade, devidos às incisões com as suturas e curativo

Evitar serviços domésticos (faxina, cozinha) ou dirigir carro por 30 dias. Em casos de intercorrências ou dúvidas mantenha os seus cirurgiões informados.

Os curativos são realizados no consultório pelos próprios cirurgiões. Os retornos serão marcados previamente.

Sutiã (mulheres): no caso da cirurgia de redução de mamilo atenta-se para o uso do sutiã de maneira mais cuidadosa, de preferência um sutiã com abertura na região mamilar, protegendo assim contra a compressão no mamilo, que pode prejudicar o resultado. Também pode ser usado o protetor de mamilo usado por mulheres durante a amamentação por dentro do sutiã normal.

Eventos indesejáveis: hematoma, infecção, necrose de mamilo, rejeição de pontos, deiscência (abertura de pontos), recidiva.

 

 

 

 
 

Dr. Benedito Soares Vieira (CRM 52-46579-2 RJ)
Dr. George Luís Pereira Soares (CRM 52-42103-3 RJ)
Avenida Olegário Maciel, 414 / 303
Barra da Tijuca - Rio de Janeiro - RJ
Tel: (21) 2493-8206 / (21) 2493-6653